Como montar um restaurante pequeno? Você sonha em abrir um restaurante pequeno, colocar em pratica seus conhecimentos culinários e viver da gastronomia? Quer abrir seu próprio negócio e trabalhar com o que gosta? 

Sabendo que esse é o sonho de muitas pessoas, e com a consciência das dificuldades encontradas durante o processo, separamos um passo a passo para se montar um restaurante.

É preciso saber que antes de começar o projeto de restaurante, é necessário se planejar financeiramente, fazendo uma estimativa do valor que se pode investir, e os valores gastos para a montagem de seu restaurante.

Para um restaurante com até 50m² o tempo total é em torno de 3 meses, com um projeto custando cerca de R$10.000,00 (entorno de 7% do investimento total), e o acompanhamento de obra = 2.500,00/mês, sendo o investimento total (projeto+material=obra+ equipamentos) = 3.000/m²=150.000,00.

Também deve-se perguntar se deseja abrir uma franquia, se vale a pena, qual a melhor localização, como economizar no aluguel e na compra de equipamentos, assim como criar um cardápio com valor viável para você e seu cliente, se será self-service ou à la carte.

Deve-se planejar detalhadamente os passos que prendendo seguir, especificando para si mesmo qual o tipo de restaurante que quer abrir, como deseja que seja seu funcionamento, a escolha do local, o público alvo. Para que o investimento não vá por agua a baixo, faça um estudo de viabilidade, colocando no papel o valor que se tem disponível para o investimento, calculando o valor que será aplicado no restaurante, junto a seus gastos e expectativas de lucro. 

 Como montar um restaurante pequeno em 7 passos

Depois de ter essas questões bem resolvidas, é a hora de começar a pensar na obra, seguindo alguns passos.

1. Contrate um especialista

Primeiramente é preciso fazer a contratação de um profissional especialista na área de projeto e reforma, ele irá auxiliar na avaliação de seu imóvel, caso já tenha um, indicando as melhorias necessárias.

Caso esteja começando do zero, ele fará todo o projeto de seu restaurante, levando em consideração suas preferencias, o espaço do terreno, e as especificações de segurança necessárias.

Um especialista na área saberá exatamente como conduzir o projeto, lhe guiando nas melhores escolhas para o seu estabelecimento, fazendo o melhor para manter tudo dentro de seu orçamento, além de apresentar projetos precisos e detalhados, diminuindo as chances de erros no momento de execução.

2. Invista no projeto 

Existem diferentes formas de se fazer um projeto de restaurante, e é sugerido que se invista no que puder lhe apresentar mais detalhes, um que lhe apresente algo próximo a realidade de como seu estabelecimento ficará ao fim da obra, assim evitando surpresas desagradáveis, e erros bobos que poderiam ter sido evitados com uma análise um pouco mais detalhada do ambiente.

3. Decoração

Depois de feito o projeto, e iniciado a construção do seu estabelecimento é a hora de pensar na decoração do lugar. Mesmo que seja pequeno, o restaurante deve, além de ter uma boa comida, ter uma personalidade própria. 

Aproveite o espaço do salão e planeje como será a montagem das mesas e balcão de atendimento, distribuindo a mobília de uma forma que ainda sobre espaço para os clientes e funcionários se locomoverem pelo local, sempre levando em consideração o fluxo de clientes.

Um ambiente personalizado ou com uma temática diferente também pode atrair mais clientes, tornando a decoração um diferencial do seu restaurante, chamando a atenção do seu público, além de valorizar o estabelecimento.

4. Acessibilidade

É sempre importante lembrar de ter rampas e calçadas rebaixadas para o acesso de cadeirantes no restaurante, assim como um banheiro acessível, e mesas e balcões adequados. Torne seu estabelecimento accessível para todos.

Após planejar toda a estrutura do local, e dar início às obras é a hora de começar a investir nos próximos passos.

5. Equipe

Para um atendimento e um serviço eficiente, é necessária uma equipe bem alinhada, que compre a ideia central do estabelecimento, fazendo a diferença na satisfação dos clientes.

Invista em treinamentos, e formas de capacitação para seus funcionários, assim melhorando o desempenho, resultando em uma melhor experiência para seus clientes, além de tornar o ambiente mais profissional.

6. Fornecedores 

É de extrema importância que você conheça bem seus fornecedores, assim como a origem de seus produtos, que são a base de todo seu negócio. Não adianta ter um bom estabelecimento, com bens funcionários, se a comida não agrada.

Faça pesquisas aprofundadas, analisando os preços e a qualidade dos produtos de cada fornecedor antes de escolher quem será seu parceiro nessa jornada.

7. Cardápio

Tendo como base seus conhecimentos culinários, ou o estilo de seu restaurante, inicia-se a elaboração do cardápio.

Planeje os pratos que serão servidos, a forma como serão apresentados, buscando sempre trazer sabor e beleza para o prato. Separe também as bebidas que planeja servir, tendo em mente seu público alvo. Destaque os pratos principais, as especialidades e pratos da casa.

Para o design do cardápio, busque usar as corres predominantes na decoração do restaurante, seguindo as tipografias ali presentes.

Como é fácil perceber, projetar um restaurante não é tarefa fácil. Para saber mais sobre reformas dessa natureza, te convidamos a conhecer nossos projetos na área! Para isso, basta clicar aqui.

× Como posso te ajudar?